Catarina Vargues Conceição – Psicóloga Clínica

Auto-afirmação

1 comentário

Se há alimentos fundamentais à saúde psicológica e complementares à auto-estima, um desses alimentos é a auto-afirmação.

A auto-afirmação dá sabor à auto-estima. A auto-estima dá cor à auto-afirmação.

Em certas situações pode ser difícil afirmarmo-nos. Nessas situações podemos sentir-nos irritados, frustrados, tristes ou zangados.

São os nossos sentimentos e estados emocionais a comunicar-nos que não respeitámos e afirmámos a nossa perspectiva e necessidades.

Quando não nos afirmamos, tendemos a praticar a não-aceitação de nós próprios.

Outras vezes impomos a nossa perspectiva, podendo desrespeitar as pessoas com quem nos relacionamos. 

Experimente hoje afirmar-se, praticando a aceitação activa de si enquanto diferente do outro e o respeito pelo outro enquanto diferente de si.

À forma de confeccionar a auto-afirmação através da expressão da sua perspectiva, emoções e necessidades, respeitando as do outro, dá-se o nome de assertividade.

Por vezes, pode tornar-se bastante difícil agir assertivamente.

Quando assim é, de forma continuada e com prejuízos para o próprio e para os seus relacionamentos, a Psicologia Clínica pode dar uma ajuda.

Um pensamento sobre “Auto-afirmação

  1. Pingback: Depressão | Catarina Vargues Conceição – Psicóloga Clínica e da Saúde

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s